Educação Bilíngue no desenvolvimento infantil: a porta para conectar as crianças com o mundo

Os benefícios da educação bilíngue na infância são incontáveis e inquestionáveis.  Na infância, não apenas o processo de aquisição de uma segunda língua é mais natural, como pode aumentar as chances de alcançar uma fluência extraordinária. Afinal, neurônios, sinapses e atividades cerebrais estão em pleno vapor graças ao desenvolvimento neurológico muito intenso nos primeiros anos de vida.  

 

Antes dos 10 anos, a criança consegue assimilar melhor pequenas sutilezas de pronúncia, além de ter um incrível armazenamento de memória, uma recuperação lexical mais eficaz e muita flexibilidade mental para ter a fluência de um nativo. Além da aquisição natural e supereficiente de um segundo idioma, uma das vantagens mais interessantes do bilinguismo infantil é o desenvolvimento de habilidades socioemocionais. Afinal, a linguagem é um instrumento de autoexpressão e de relações socioculturais.

 

MITO: Aprender duas línguas confundirá a criança. 

FATO: Algumas crianças bilíngues podem misturar regras gramaticais de vez em quando ou podem usar palavras de ambos os idiomas na mesma frase (exemplo: “quero mais juice” [quero mais suco]). Esta é uma parte normal do desenvolvimento da linguagem bilíngue e não significa que a criança esteja confusa. Faz parte do processo e depois de uma certa idade, elas aprenderão a separar os dois idiomas corretamente.

 

Benefícios da educação bilíngue na educação infantil

 

A verdade é que o processo de aprendizado em dois idiomas desde os primeiros anos de escola traz alguns desafios, mas, ao mesmo tempo, oferece grandes benefícios para as crianças durante o seu crescimento. Aprender a língua inglesa durante o período da educação infantil, cria inúmeras oportunidades a curto, médio e longo prazo. Os efeitos positivos no cérebro causados por ter o aprendizado de uma segunda língua desde novo pode inclusive retardar os sintomas de Alzheimer.

 

Confira outras vantagens do bilinguismo na primeira infância: 

  • Melhora as capacidades cognitivas ligadas à atenção e à memória;
  • Intensifica o raciocínio e a criatividade; 
  • Desenvolve com mais facilidade a escrita, a leitura e a fala;
  • Aumenta a segurança, a autoestima e melhora a socialização; 
  • Expande o repertório cultural; 
  • Amplia as perspectivas para o mercado de trabalho no futuro; 
  • Facilita a comunicação e abre portas para a conexão com o mundo.

 

Inicialmente, ao ver as crianças pronunciarem poucas palavras, pode parecer um aprendizado ineficaz e até lento, mas acredite, isso tem um valor imenso. Dependendo do método de ensino, primeiro eles desenvolvem a escuta (sons) para, em seguida, o processo da fala ser introduzido (com palavras soltas). A pronúncia não sai de forma completamente correta, mas com o tempo, aprendem a se comunicar. A parte escrita e gramatical entra em outro momento de maneira segmentada, por meio de treinamento e repetição. Ou seja, o aprendizado é construído de forma gradual e abrangente.

 

O resultado, ao obter tal conhecimento, prepara a criança para enfrentar desafios de um mundo globalizado, assim como, a torna mais segura e preparada para inclusive escolher profissões novas conforme o avanço da tecnologia.

 

Estratégias da educação bilíngue na primeira infância

 

O aprendizado da Língua inglesa durante a infância possui ainda mais força quando alinhado à estímulos físicos, pois a associação feita pelo cérebro com palavras, sons e imagens no idioma materno e no estrangeiro faz com que as crianças desenvolvam fortes conexões. Ou seja, para um resultado cognitivo ainda maior, é interessante que as crianças sejam constantemente expostas a:

 

  • músicas em inglês;
  • jogos e aplicativos interativos;
  • desenhos/filmes em inglês;
  • aulas de diferentes conteúdos ministradas em inglês.

 

Além do conteúdo trabalhado na escola, é fundamental que a criança receba estímulos constantes para estar em contato com o idioma e que, tanto dentro quanto fora da aula, tenha níveis de desafios adequados para que seu interesse em aprender o idioma continue vivo. 

Apoio da família durante o aprendizado bilíngue 

 

Em casa, uma ideia é fazer que o idioma esteja presente no dia a dia:

 

  • Se estiver passando algum filme ou desenho que a criança já tenha assistido antes, sugira que dessa vez assista em inglês. Ou seja, troque as configurações de equipamentos de português para inglês;
  • Peça que a criança reconte as histórias de suas aulas, jogue os mesmos jogos e cante as músicas que foram trabalhadas em aula. Assim, além de estimular o interesse e a fixação do que foi trabalhado, a família toda se envolverá no aprendizado!

 

Pequenas mudanças na rotina da casa irão estimular importantes habilidades e áreas do cérebro, tornando as crianças flexíveis e abertas a novas experiências. Além do mais, a capacidade de raciocínio na língua estrangeira e a fixação do aprendizado será ainda mais consistente.

 

MITO: Falar duas línguas com uma criança pode causar problemas de fala ou transtorno de linguagem.

 

FATO: Se uma criança bilíngue tiver um problema de fala ou de linguagem, ele aparecerá em ambos os idiomas. No entanto, estes problemas não são causados pela aprendizagem de duas línguas.

 

Programas de educação bilíngue 

 

O bilinguismo na educação infantil é muito importante para a formação do aluno, sobretudo, no contexto atual. O aprendizado do inglês pode contribuir em diversos âmbitos da vida do estudante, inclusive, no mercado de trabalho e na construção de relações e de uma comunicação internacional. 

 

Mas, assim como existem diferentes metodologias pedagógicas, também existem tipos diferentes de ensino bilíngue nas escolas. A grande diferença é o tempo e a intensidade empregada pelos alunos na aprendizagem do segundo idioma. Ou seja, na hora de visitar a escola, é fundamental que as famílias entendam o funcionamento do programa de Língua Inglesa desenvolvido com as crianças, quantos dias na semana possuem aula de inglês e qual metodologia utilizam em cada faixa etária. Essas são questões essenciais e por isso devem ser levadas em consideração na hora de efetivar a matrícula. Afinal, o resultado do aprendizado estará totalmente ligado ao grau de exposição da criança a esse segundo idioma.

 

Você sabia que a Escola Casa de Brinquedos possui dentro da grade horária um Programa de Educação Bilíngue por imersão? 

 

Sim, oferecemos um programa bilíngue, o que significa que as disciplinas são ministradas na língua materna, o português, e alguns temas e conteúdos que perpassam outras disciplinas são ensinadas na língua alvo, no caso o inglês. Para alcançarmos esse objetivo de língua e conteúdo, atribuímos três aulas por semana para os alunos do maternal II e cinco aulas por semana para os do maternal III ao 5º ano do Ensino Fundamental. Ou seja, a nossa abordagem tem por objetivo educar os alunos de forma holística, com a Língua Inglesa sendo aprendida não com o objetivo em si mesma, mas como um meio de instrução.

 

O programa bilíngue é orientado por conteúdo e, como metodologia para ministrar essas aulas, adotamos a proposta CLIL que significa “Content and Language Integrated Learning”, que poderia ser traduzida como “Aprendizagem Integrada de Conteúdo e Idioma”, ou seja, possui duplo objetivo: os alunos recebem o conteúdo da aula todo em inglês, então, além de aprenderem o assunto da grade curricular, também aprendem língua inglesa.

 

Sabe o diferencial disso? 

 

Os alunos se sentem muito mais seguros e preparados para praticarem o idioma com os colegas e com os professores, visto que, diariamente, as aulas de diferentes conteúdos e temas são ministradas na Língua Inglesa. 

 

Desde pequeninos, os alunos possuem contato diário com a Língua Inglesa, respeitando, é claro, a abordagem ideal para cada faixa etária e permitindo que eles entendam o professor e se comuniquem em inglês. Usamos brincadeiras, músicas, livros, teatrinho e tudo que for possível para oferecer um ensino lúdico e envolvente. Com isso, as crianças conseguem absolver o máximo de conhecimento, além de praticarem o que foi ensinado. 

 

Um grande exemplo disso é que no segundo semestre do ano letivo, as crianças são convidadas a participarem de um musical de Língua Inglesa. Além de trabalharem o vocabulário das letras das músicas, praticarem a pronúncia, a expressão corporal e o conteúdo relacionado ao tema do evento, os alunos possuem a oportunidade de vivenciar um momento especial com as famílias e demonstrar habilidades conquistadas ao longo de todo esse processo de aprendizado por imersão.

E mais: em parceria com a ETS (Educational Testing Services), os alunos do 5° ano do Ensino Fundamental realizam o Exame TOEFL Primary (Test of English as a Foreign Language) – um dos testes mais reconhecidos quando o assunto é proficiência em Língua Inglesa. 

 

Ou seja, uma grande chance de terminar o Ensino Fundamental com uma certificação internacional e abrir a primeira porta para conectar-se ao mundo!

O bilinguismo infantil é muito natural e traz grandes vantagens para as crianças. Por isso, é tão importante contar com o apoio de uma escola de qualidade e com soluções educacionais que proporcionem às crianças uma formação completa, pensando não apenas em um segundo idioma, mas em habilidades e competências que possam torná-las pessoas mais preparadas para a vida.

 

Quer saber mais sobre o nosso programa? 

 

Assista a Live sobre a nossa metodologia de ensino bilíngue. Entrevista do Tio Vittão com a Tia Stephanie, coordenadora de Língua Inglesa da Escola Casa de Brinquedos.

 

Escola Casa de Brinquedos

 

Ficou interessado e deseja marcar uma vista? Entre em contato! Será um prazer recebê-lo para mostrarmos mais de perto nossos projetos pedagógicos e toda a estrutura que utilizamos para que a primeira infância seja repleta de experiências extraordinárias e inesquecíveis!

Compartilhe

Veja também